Centro de Assistência registra aumento de intoxicações em Pernambuco


Foram realizados mais de 4 mil atendimentos em casos de acidentes com animais peçonhentos. (Imagem: Miva Filho/SES)

Durante o ano de 2017, o Centro de Assistência Toxicológica de Pernambuco (Ceatox-PE) realizou 4.857 primeiros atendimentos em casos de intoxicações exógenas ou acidentes com animais peçonhentos no Estado. O quantitativo é 6% maior que 2016, quando foram contabilizados 4.578 casos.

O levantamento analisou os casos registrados por meio do serviço telefônico disponível no número 0800 722 6001. O número geral de atendimentos e acompanhamentos foi 20% maior que no anterior, passando de 10.717 para 12.960.

“Os principais casos continuam sendo relacionados aos acidentes com animais peçonhentos, principalmente escorpião; medicamentos e agrotóxico agrícola, conhecido popularmente como chumbinho. Precisamos continuar orientando a população para evitar essas ocorrências”, afirmou a pediatra e coordenadora do Ceatox, Lucineide Porto.