Municípios do Agreste voltarão a receber água pela rede de distribuição


O abastecimento deve ser restabelecido até o fim de dezembro. (Imagem: Divulgação/Compesa)

Até o final do mês de dezembro, moradores de quatro municípios do Agreste voltarão a ser abastecidos pela rede de distribuição. Desde o colapso da Barragem de Jucazinho, Riacho das Almas, Passira, Cumaru e Salgadinho têm sido abastecidos por meio de carros-pipa.

Na inauguração do Sistema Pirangi, o governador Paulo Câmara determinou a execução de duas obras em ritmo emergencial para possibilitar que as cidades voltem a ser abastecidas pela Compesa. Além de aumentar a capacidade do Sistema Prata/Pirangi, a determinação inverteu o sentido original do Sistema Jucazinho. O investimento é de R$ 3,4 milhões.

“Estamos com intervenções nas três elevatórias de água bruta do Sistema Prata/Pirangi. Com a instalação de conjuntos motor-bomba mais potentes, atingiremos nosso objetivo”, afirmou o presidente da Compesa, Roberto Tavares. Essa obra é executada com recursos próprios, um investimento de R$ 2,6 milhões.

Em condições normais, a Barragem de Jucazinho atende 15 municípios da região Agreste, uma população de 800 mil pessoas.