Prova de vida no INSS deixa de ser obrigatória até o fim do ano


A decisão foi publicada em edição extraordinária do Diário Oficial da União desta quarta-feira (6). (Imagem: reprodução)

Foi suspensa a obrigatoriedade da prova de vida do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Com isso, aposentados e pensionistas não terão seus benefícios cortados caso não realizem o procedimento até 31 de dezembro. A decisão foi publicada em edição extraordinária do Diário Oficial da União desta quarta-feira (6). 

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) vetou a suspensão temporária da prova de vida. No entanto, o Congresso derrubou o veto presidencial, no dia 27 de setembro. A prova de vida é utilizada para evitar fraudes e garantir a manutenção do pagamento de benefícios para aposentados e pensionistas. 

Por Sarah Rêgo – 07/10/2021