Secretaria de Saúde de Pernambuco rebate declarações da Prefeita Raquel Lyra


Em entrevista à Rádio Cultura, a tucana afirmou que a UPAE do município corria o risco de fechar. (Imagem: Ricardo Almoêdo)

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) enviou à Rádio Cultura do Nordeste uma nota em resposta às declarações da Prefeita Raquel Lyra, feitas durante o programa Mega Paredão 1.130, veiculado pela emissora. Na ocasião, a tucana afirmou que “a UPA Especialidades corre o risco de fechar” e que a unidade está há oito meses com dívidas com a Fundação Altino Ventura.

De acordo com a pasta, o serviço não será interrompido. “Nos próximos dias, será feito um repasse para o pagamento correspondente a um mês. A Secretaria está trabalhando para agilizar os repasses relativos aos outros meses”, aponta o texto.

Além disso, a SES informou que o edital de seleção de uma Organização Social (OS) para assumir a gestão do Hospital São Sebastião está sendo finalizado e reforçou que a unidade atuará como retaguarda do Hospital Regional do Agreste (HRA).

Confira a nota na íntegra:

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) informa que o edital de seleção de uma Organização Social (OS) para assumir a gestão do Hospital São Sebastião está sendo finalizado.  Quando inaugurado, o HSS, que possui cerca de 60 leitos, atuará como retaguarda do Hospital Regional do Agreste (HRA), maior emergência da região, beneficiando, portanto, a população de Caruaru e de diversos municípios do Agreste.

É importante frisar, ainda, que a reabertura do Hospital São Sebastião não é uma ação isolada no desenho da rede de assistência do Agreste. A Região recebeu, nos últimos anos, o maior aporte de investimentos estaduais em Saúde da história. O município de Caruaru, polo e referência para as outras cidades do Agreste, recebeu, dentro do planejamento dessa rede, a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA), inaugurada em 2010; a Unidade Pernambucana de Atenção Especializada (UPAE), em 2013; e o Hospital Mestre Vitalino, a maior e mais moderna unidade de saúde do Interior, inaugurado em 2014. Para complementar a rede, além do HSS, a SES também está construindo, na cidade, o Hospital da Mulher do Agreste, que deve ser inaugurado no primeiro semestre de 2018.  Todas essas ações do Governo de Pernambuco têm como objetivo um atendimento digno e de qualidade para a população da Região, evitando deslocamentos para a capital e melhorando a assistência nas unidades já existentes.

Em relação à Unidade Pernambucana de Atenção Especializada (UPAE) de Caruaru, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) informa que nos próximos dias será feito um repasse para o pagamento correspondente a um mês. A Secretaria está trabalhando para agilizar os repasses relativos aos outros meses e que não tem medido esforços, mesmo diante da grave crise econômica que atinge todo o país, para regularizar o pagamento às unidades que prestam serviço para a rede estadual. É importante destacar também que o serviço da UPAE não será interrompido e que a população que busca atendimento no serviço estadual continuará sendo atendida.