Assembleia Legislativa de Pernambuco participa de campanha de prevenção ao suicídio


Em apoio à ação, luzes amarelas foram acesas no Museu Palácio Joaquim Nabuco. (Imagem: Kerol Correia/Alepe)

A pedido da Sociedade Pernambucana de Psiquiatria, a Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) aderiu à campanha Setembro Amarelo, que visa conscientizar a sociedade sobre a prevenção ao suicídio. Em apoio à ação, luzes amarelas foram acesas no Museu Palácio Joaquim Nabuco, a partir desta segunda-feira (4). A iluminação será mantida até o dia 13 de agosto.

“É preciso um olhar diferenciado, sem julgamento, demonstrando empatia e atenção verdadeira para reduzir a incidência desse problema”, apontou a deputada Roberta Arraes (PSB), no Pequeno Expediente. Além disso, a parlamentar destacou o aumento de suicídios no estado. De acordo com Arraes, entre 2002 e 2014, o número de casos com pessoas de 10 a 14 anos aumentou 40%.

“Os especialistas indicam que esses casos poderiam ser evitados, mas muitas dessas pessoas nunca chegam a se consultar com um psicólogo ou psiquiatra. É preciso um olhar diferenciado, sem julgamento, demonstrando empatia e atenção verdadeira para reduzir a incidência desse problema”, defendeu.