“A feira fica”, diz Marcelo Rodrigues sobre a transferência da Sulanca


Em entrevista à Rádio Cultura, o candidato afirmou que, caso se torne prefeito, não mudará o local de funcionamento da feira. (Imagem: Rádio Cultura do Nordeste)

O candidato a prefeitura de Caruaru, Marcelo Rodrigues (PT), participou nesta quinta-feira (15) do Paredão Eleitoral da Rádio Cultura do Nordeste. Durante a entrevista, o político falou sobre a transferência da Feira da Sulanca. A sabatina, que é uma parceria com o Caruaru no Face e com o Blog do Magno Martins, contou com a apresentação dos jornalistas Elaine Dias, César Lucena e Mango Martins.

Marcelo Rodrigues afirmou que, caso se torne prefeito, não mudará o local de funcionamento da feira: “O prefeito tem que ter coragem para dizer ‘tenho 43 hectares, posso organizar, tem espaço para avançar, espaço para discutir e a gente vai discutir com o feirante’. Sou o único candidato que diz: A feira não sai para atender interesses privados. A feira fica para atender os comerciantes, os feirantes e a classe trabalhadora”, disse. 

Além disso, o candidato pontuou que o município não tem verba para promover essa mudança: “A gente está vivendo uma crise. De onde vai se tirar dinheiro? Estamos em uma pandemia. Hoje não tem como se tirar a feira, temos que garantir emprego e renda”, declarou. 

Já passaram pelo Paredão Eleitoral os candidatos Marcelo Gomes (PSB), Raffiê Dellon (PSD) e Delegado Erick Lessa (PP).

Por Sarah Rêgo – 16/10/2020