Pernambuco cria 12,7 mil empregos em agosto, aponta Caged


De acordo com dados divulgados pelo Ministério da Economia, Estado registrou o melhor resultado do Nordeste. (Imagem: Agência Brasil)

Dados divulgados nesta quarta-feira (30) pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, apontam que Pernambuco terminou o mês de agosto de 2020 com o saldo de 12.714 postos de trabalho criados. O Estado registrou o melhor resultado na geração de empregos em todo o Nordeste, com o quinto melhor desempenho do Brasil.

Os números do Caged levam em conta quantas pessoas foram admitidas em um determinado mês e quantas foram demitidas. No caso de Pernambuco, foram 37.178 contratações e 24.464 demissões, gerando um saldo positivo de pessoas com carteira assinada de 12.714.

Segundo a Secretaria do Emprego, Trabalho e Qualificação de Pernambuco (Seteq), no mês de agosto, este foi o melhor resultado em nove anos. Comparado ao mês de julho de 2020, houve mais que o dobro no aumento de postos de trabalho. No referido mês, o saldo de admissões chegou a 4.624.

Considerando o acumulado dos oito primeiros meses do ano, o saldo foi de 69.984 postos de trabalho fechados no estado. Em todo o Brasil, esse número resultou em 849.387 vagas fechadas, principalmente durante a pandemia de Covid-19.

Caruaru

No oitavo mês do ano, segundo o Caged, Caruaru registrou recuperação na criação de posto de trabalho com a geração de 541 empregos. No entanto, de março a agosto, o município acumula 2.818 postos de trabalho desativados.

Por Patriota Jr – 01/10/2020