Projeto obriga bancos a oferecerem tecnologia assistiva para pessoas com deficiência auditiva


A proposta foi aprovada pelos colegiados de Finanças e de Cidadania da Alepe (Imagem: Reprodução/Ouviclin)

Nesta quarta-feira (16), os colegiados de Finanças e de Cidadania da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) aprovaram uma matéria que obriga bancos e centros comerciais com mais de 50 lojas a oferecerem tecnologia assistiva para pessoas com deficiência auditiva. 

De acordo com o projeto de lei, criado pelo deputado Professor Paulo Dutra (PSB), se o estabelecimento não fornecer a tecnologia, deverá capacitar pelo menos um de seus funcionários para prestar o atendimento. Os hospitais privados com mais de 150 leitos também deverão fornecer assistência para pessoas com deficiência auditiva. 

Por Sarah Rêgo – 17/12/2020